10 mil bolsas de cursos são ofertadas para alunos de escolas estaduais do Paraná; inscrições vão até esta quarta-feira (23)


Entre as opções estão: criação de aplicativos, games, sites para web e mobile, produção e edição de fotos e vídeos e podcasts. Todos os cursos são gratuitos. 10 mil bolsas de cursos são ofertadas para alunos de escolas estaduais do Paraná
Divulgação/Seed
Dez mil bolsas de cursos gratuitos de tecnologia estão sendo ofertadas para alunos de escolas estaduais do Paraná. Outras mil bolsas estão disponíveis para professores.
As inscrições podem ser feitas até esta quarta-feira (23). Entre as opções de cursos estão:
Criação de aplicativos, games, sites para web e mobile;
Produção e edição de fotos e vídeos;
Podcasts;
Outros de programação em diferentes linguagens, como Java e HTML.
Confira detalhes dos cursos mais abaixo.
Inscrição e duração
Os interessados devem acessar o site: ww.educacao.pr.gov.br/programacao – que é acessível com usuário @escola.pr.gov.br – e preencher o formulário de credenciamento usando o e-mail.
De acordo com a Seed, é necessário estar logado apenas no e-mail @escola pelo gmail.
O início dos cursos será em 1º de outubro. Eles têm previsão de duração de cerca de seis meses, e é recomendado que os estudantes interessados tenham a disponibilidade de 10 horas semanais, no contra turno escolar.
Conforme a secretaria, os estudantes que não acessarem e não avançarem nos cursos em um período de 15 dias consecutivos serão eliminados, dando lugar a quem ficou de fora no primeiro credenciamento devido à limitação de vagas.
No final do período, os estudantes participarão de um evento para compartilhamento dos trabalhos desenvolvidos.
Cursos
Ao todo, segundo a Seed, são 18 trilhas disponíveis em cinco modalidades de cursos:
Programação Mobile;
Programação de Back-end;
Programação de Front-end;
Design & UX;
Data Science.
Para a criação de games são dois diferentes softwares para web e mobile. Segundo a secretaria, um deles ensina a criar um jogo de RPG em 2D com efeitos visuais, imagens, sons, cenários e mapas.
Para vídeos, há um módulo especial do YouTube: da concepção de um canal ao upload.
De acordo com a Seed, as possibilidades se estendem ainda à:
Criação e desenvolvimento de Design Gráfico, em programas como Photoshop e Illustrator;
Edição de planilhas no Excel;
Introdução a Ciência de Dados;
Testes estatísticos em linguagem de programação Phyton;
Cursos focados na experiência de usuário;
Design Thinking.
Veja mais notícias do estado em G1 Paraná.

Gostou deste blog? Por favor, compartilhe :)

https://jornaltijucas.com.br/feed/
Seguir por E-mail
YOUTUBE
Leitores On Line