UFRJ cai em ranking de melhores universidades do mundo; demais instituições do Rio se mantêm

RIO – Maior universidade federal do país, a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) caiu de posição no ranking de 2020 de melhores universidades do mundo realizado anualmente pela consultoria Times Higher Education (THE) e divulgado nesta quarta-feira. A instituição, que conta com 67 mil alunos e figurava entre a 601ª e a 800ª posições no ranking de 2019, passa a ocupar a faixa entre a 801ª e a 1.000ª posições.

Entre as universidades do Rio, mantiveram suas posições em relação ao ranking anterior PUC-Rio (601ª a 800ª), UFF (abaixo da 1.001ª posição) e Uerj (abaixo da 1.001ª posição).

LEIA MAIS:Sem verba, UFRJ anuncia suspensão de serviços para continuar funcionando

LEIA AINDA:Brasil aumenta participação em ranking de melhores universidades do mundo, mas ainda não tem nenhuma entre as 250 primeiras

A metodologia utilizada pela consultoria envolve a análise de indicadores como a qualidade do ensino e o ambiente de aprendizado, o volume de pesquisas e a quantidade de citações, os rendimentos na indústria relacionados à transferência de conhecimento para o mercado e a internacionalização.

Apesar de ser o sétimo país com o maior número de universidades na lista (46), o Brasil não conta com nenhuma instituição entre as cem melhores do mundo. A USP (Universidade de São Paulo) continua sendo a mais bem avaliada (251ª–300ª posição), liderando entre as universidades latino-americanas. Em segundo lugar vem a Unicamp (Universidade de Campinas), entre a 501ª e a 600ª posições.

O ranking inclui mais de 1.300 universidades de 92 países.

Source: http://oglobo.globo.com/rss.xml?completo=true

Loading...