Rússia irá estudar esboço de resolução da ONU sobre Síria

O Ministério de Relações Exteriores da Rússia disse nesta segunda-feira que Moscou irá estudar uma proposta de resolução da ONU sobre a Síria apresentada pelos Estados Unidos, Reino Unido e França, relatou a agência de notícias Interfax.

“Nós ainda temos que estudá-la. Ela acabou de ser apresentada, o trabalho precisa continuar, nós não a rejeitamos imediatamente, precisamos avaliar”, disse Pyotr Ilichev, diretor do departamento de organizações internacionais do Ministério de Relações Exteriores russo, segundo a agência de notícias.

O projeto dos três países apela a “assegurar a ajuda humanitária sem obstáculos, o regime de cessar-fogo, bem como exige a participação de Damasco nas negociações de paz lideradas pela ONU”.

Além disso, a resolução propõe “realizar uma investigação independente” sobre o suposto ataque químico na Síria.

O Conselho de Segurança da ONU rejeitou no sábado uma resolução apresentada pela Rússia para condenar o ataque lançado durante a madrugada contra a Síria por Estados Unidos, Reino Unido e França.

A minuta da resolução considerava que o ataque representa uma violação do direito internacional e da Carta das Nações Unidas e pedia às três nações que evitem no futuro o uso da força contra o regime de Bashar Assad.

O documento só conseguiu o apoio de três representantes do Conselho (Rússia, Bolívia e China), enquanto quatro se abstiveram (Peru, Cazaquistão, Etiópia e Guiné Equatorial).

(Com Reuters)


Source: http://feeds.feedburner.com/noticiasveja?format=xml

Loading...