Motoristas em Matosinhos: "Fomos obrigados a romper" os serviços mínimos

Na refinaria de Matosinhos, muitos motoristas estão a “boicotar” os serviços mínimos. Dizem que foram “obrigados” a isso, pois receberam ameaças de despedimento das entidades patronais e não cedem. O clima chegou a estar tenso, nesta manhã de quarta-feira, e os primeiros camiões só entraram na refinaria com escolta policial.
Source: http://feeds.jn.pt/JN-Ultimas

Loading...