Major Olimpio volta a criticar política desarmamentista: 'picaretagem'

O líder do PSL no Senado, Major Olimpio (SP), disse nesta quinta-feira, 14, não se arrepender de ter afirmado na quarta-feira, 13, que o massacre em uma escola de Suzano poderia ter sido minimizado se algum funcionário portasse arma de fogo. Ele voltou a defender a posse e o porte e rebateu o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que declarou nesta quarta-feira que a defesa do porte de arma nestas situações levaria a uma “barbárie” no País. [Leia mais…]
Source: http://atarde.uol.com.br/arquivos/rss/brasil.xml

Loading...