Homem é detido após se recusar a deixar terminal de ônibus em Boa Vista


De acordo com um guarda, o homem é venezuelano e chegou a Boa Vista na madrugada desta quarta-feira (13), vindo de São Paulo. Estrangeiro resistiu à prisão e teve de ser contido por duas equipes da Guarda Municipal
Marcelo Marques/G1 RR
Um homem de 35 anos foi preso nesta quinta-feira (14) por invadir um boxe no terminal de ônibus Terminal Luiz Canuto Chaves, no centro de Boa Vista.
De acordo com a Guarda Civil Municipal, o homem, que é venezuelano, estava sob efeito de drogas, se recusou a deixar o local e ainda desacatou os agentes que solicitaram a saída dele do local.
De acordo com um guarda, o venezuelano chegou a Boa Vista na madrugada desta quinta. Ele estava em São Paulo desde maio, quando houve o processo de interiorização do Governo Federal.
“Ele tem até o cartão do SUS [Sistema único de Saúde] retirado em São Paulo, de onde veio. Ele não quis sair do terminal. Disse que só deixava o local se comprássemos uma passagem para ele. Depois de muita insistência, e ele recusar nossa solicitação, o tiramos a força”, diz o guarda.
O documento do Ministério da Saúde foi emitido no 17 de maio em São Paulo. O venezuelano retornou a Boa Vista em um voo comercial.
“Ele resistiu à prisão. Tivemos de pedir apoio [de outra equipe] porque ele não queria sair mesmo. Tivemos de algemá-lo à força. Desde 14h [desta quinta] que estava no terminal”, conta.
Com o venezuelano foram apreendidos malas, cartões de crédito, passaporte e demais documentos. Em um papel havia o endereço do Centro de Acolhida pra Imigrantes Missão Scalabriniana, no bairro Pari (SP).
Ele foi levado para o 1º Distrito Policiais. Entretanto, em razão das condições psicológicas, os guardas o levaram para o Hospital Geral de Roraima. Posteriormente, o estrangeiro será reconduzido à unidade policial.
Source: http://g1.globo.com/dynamo/rss2.xml

Loading...