Casal escreve ‘socorro’ na lama para ser salvo de pântano com crocodilos

Um casal australiano foi salvo de um pântano infestado por crocodilos após escrever “socorro” na lama do local

Shantelle Johnson, Colen Nulgit e Ace, um filhote de cachorro, passaram cerca de 26 horas dentro de uma caminhonete atolada no Parque Nacional Keep River até a chegada do resgate

Eles visitavam a região para pescar, quando ficaram presos no pântano ao lado da água salgada: “Ficamos no carro na primeira noite e vimos a água subir. Pegamos tudo e levamos cerca de 20, 30 metros do veículo”, contou Colen ao canal ABC News

O casal também relatou que mal conseguiu dormir, preocupado com a possibilidade da maré subir e levar até eles os terríveis crocodilos de água salgado. A dupla inclusive detectou rastros dos répteis nos arredores

Veja também: Visita noturna! Mãe capta ‘fantasma de bisavó’ no quarto do filho

Shantelle, Colen e Ace dispunham de pouca comida e apenas uma caixa com garrafas de água fechadas. No entanto, haviam avisado a família do destino da viagem, o que facilitou as buscas

Vale o clique: Procurada entrega o paradeiro ao fazer piada com a polícia nas redes

Além de escreverem a palavra “help” (em inglês, socorro) na areia, o casal também conseguiu acender uma fogueira para emitir sinais de fumaça

Assim, os socorristas conseguiram chegar ao local inóspito: “Poderia ter sido uma história diferente se eles não tivessem feito isso”, pontou o sargento Dean Andrzejaczek

Leia mais! Cão chega a nado em plataforma de petróleo a 220 km da costa

E completou: “É sempre uma boa ideia dizer à família para onde está indo e que horas volta.” Já Colen prometeu investir em equipamentos para desatolar veículos na próxima pesca

Enquanto isso, na Inglaterra, o resgate de uma arara poliglota exigiu os idiomas inglês, turco e grego. Entenda a seguir!

O resgate de uma arara de estimação na Inglaterra exigiu dos bombeiros envolvidos na operação os idiomas inglês, turco e grego

Veja também: Ratos mumificados são encontrados em tumba de oficial chamado TuTu

De acordo com nota divulgada pela Brigada de Incêndio de Londres, Jessie, como a arara é chamada, escapou da casa onde vive e passou três dias no telhado do vizinho

Como o dono não conseguiu trazê-la de volta nem com a ajuda de integrantes de uma ONG de proteção aos animais, ele chamou a emergência

Vale o clique: Recém-casado perde o dedo inteiro após aliança agarrar em cerca

Antes de subir, o soldado responsável pelo resgate foi informado que, para se aproximar da arara, deveria dizer para ela em inglês: “Eu te amo”

No entanto, ao responder que também amava o bombeiro, Jessie começou a soltar uma série de palavrões. A partir daí, a estratégia foi aproveitar o conhecimento linguístico da ave

Leia mais! Mistério! Buraco gigante abre sem explicação e ameaça engolir cidade

“Jessie também fala turco e grego, então tentamos dizer a ela para ‘vir’ nesses dois idiomas também”, explicou o gerente da equipe

Na sequência, a arara voou para outro telhado e depois para uma árvore, afastando as suspeitas de que estaria machucada

Veja também: Médico retira quatro abelhas VIVAS dentro do olho de mulher

Após o voo rebelde, Jessie foi enfim devolvida à segurança do lar. O dono da arara inclusive gravou um vídeo dela agradecendo aos bombeiros: um “obrigado”, em inglês

Não saia daí! Gato de 18 kg procura novo lar: ‘É o maior gato vivo’, afirma cuidadora

Source: http://noticias.r7.com/feed.xml

Loading...